Rolando News

Discografia

Nós temos 15 visitantes online
Visualizações de Conteúdo : 132228

Argentina - Castello, Fargo & Taranto PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ray Castello   
Qui, 19 de Janeiro de 2017 17:24
Fargo
LAST_UPDATED2
 
50 años de rock y batería en La Trastienda PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ray Castello   
Sáb, 14 de Janeiro de 2017 12:10

 

 

 

Rolando Castello Jr festeja sus 50 años de rock y batería en La Trastienda

 

 

Un icono de la música brasileña como es el señor Rolando Castello Junior estará cumpliendo 63 años el próximo mes de Abril. Un artista querido y respetado por todo el cono sur americano que ha llevado un largo bagaje desde la década de los 70 hasta los días del presente.


La labor musical del percusionista por buena parte del continente sudamericano, le llevó a los Estados Unidos, en plena explosión del género, durante la década de los 70 participando en bandas como Elmo Flick.


Su estancia en territorio yanqui fue corta pero de lo más productiva, añadiendo grandes dosis de experiencia en carretera y sentando los principales ingredientes de los que iban a ser pocos años después sus proyectos más memorables.


De vuelta a su país de origen formó la mítica Patrulha Do Espaço con músicos de la talla de Arnaldo Baptista, John Flavin y Gennari Oswaldo. Sin duda esta banda marcó un antes y un después dentro del rock brasileño de la época con más de 14 discos hasta la fecha y 35 años a sus espalda.


A finales de los 70, su gran labor en el país carioca volvería a hacerse eco en los países vecinos con uno de los puntos culminantes de su carrera, sucediendo en su amiga Argentina. En 1977 grabarían un único álbum con el gran Pappo y Alejandro Medina, como un efímero proyecto paralelo de Pappo’s Blues. Su nombre fue Aeroblus, una antesala de su posterior Riff.


Todo un trotamundos de la música producida en el nuevo mundo durante el siglo XX, sin olvidarnos de su primera instancia en México a principios de los 70, el batería Rolando Castello Junior estará celebrando sus bodas de oro de rock y batería, y 40 años de Aeroblus en un marco inigualable como es La Trastienda, en pleno corazón de Buenos Aires. Allí se citará el mítico artista brasileño con amigos suyos como Alejandro Medina, Sergio Ch, Gonzalo Villagra, Ricardo y Marcelo Schevano, Adrián Outeda, Marta Benévolo, Alejandro Taranto, Tito Fargo, Pato y José B, Larralde y Gaby Roverano.


La cita además servirá como presentación de su nueva banda CAsCH y se tocarán canciones de sus proyectos más históricos; Patrulha Do Espaço y Aeroblus. Te dejamos con todos los detalles de este evento a continuación;

Un icono de la música brasileña como es el señor Rolando Castello Junior estará cumpliendo 63 años el próximo mes de Abril. Un artista querido y respetado por todo el cono sur americano que ha llevado un largo bagaje desde la década de los 70 hasta los días del presente.
La labor musical del percusionista por buena parte del continente sudamericano, le llevó a los Estados Unidos, en plena explosión del género, durante la década de los 70 participando en bandas como Elmo Flick.
Su estancia en territorio yanqui fue corta pero de lo más productiva, añadiendo grandes dosis de experiencia en carretera y sentando los principales ingredientes de los que iban a ser pocos años después sus proyectos más memorables.
De vuelta a su país de origen formó la mítica Patrulha Do Espaço con músicos de la talla de Arnaldo Baptista, John Flavin y Gennari Oswaldo. Sin duda esta banda marcó un antes y un después dentro del rock brasileño de la época con más de 14 discos hasta la fecha y 35 años a sus espalda.
A finales de los 70, su gran labor en el país carioca volvería a hacerse eco en los países vecinos con uno de los puntos culminantes de su carrera, sucediendo en su amiga Argentina. En 1977 grabarían un único álbum con el gran Pappo y Alejandro Medina, como un efímero proyecto paralelo de Pappo’s Blues. Su nombre fue Aeroblus, una antesala de su posterior Riff.
Todo un trotamundos de la música producida en el nuevo mundo durante el siglo XX, sin olvidarnos de su primera instancia en México a principios de los 70, el batería Rolando Castello Junior estará celebrando sus bodas de oro de rock y batería, y 40 años de Aeroblus en un marco inigualable como es La Trastienda, en pleno corazón de Buenos Aires. Allí se citará el mítico artista brasileño con amigos suyos como Alejandro Medina, Sergio Ch, Gonzalo Villagra, Ricardo y Marcelo Schevano, Adrián Outeda, Marta Benévolo, Alejandro Taranto, Tito Fargo, Pato y José B, Larralde y Gaby Roverano.
La cita además servirá como presentación de su nueva banda CAsCH y se tocarán canciones de sus proyectos más históricos; Patrulha Do Espaço y Aeroblus. Te dejamos con todos los detalles de este evento a continuación;

 

 

Entradas Anticipadas:

 

https://www.tuentrada.com/Online/default.asp?doWork::WScontent::loadArticle=Load&BOparam::WScontent::loadArticle::article_id=59E41F04-454B-445A-94DD-80A8D37F147F

 

 
Show 50 Anos Bateria & Rock - Argentina PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ray Castello   
Seg, 19 de Dezembro de 2016 13:18

 

 

501

 

 

 

Buenos

 

 

LAST_UPDATED2
 
Resenha - Show 50 ANOS - Curitiba PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ray Castello   
Sex, 16 de Dezembro de 2016 08:51
Rolando Castello Junior celebrou seus 50 anos de estrada ao lado dos amigos no Teatro Paiol
Espetáculo reuniu grandes nomes da música paranaense para homenagear um dos maiores bateristas do mundo

 

Rolando Castello Junior celebrou seus 50 anos de estrada ao lado dos amigos no Teatro Paiol


Espetáculo reuniu grandes nomes da música paranaense para homenagear um dos maiores bateristas do mundo

Texto: Marcos Anubis
Revisão e fotos: Pri Oliveira
capa-final-1Meio século de música. Quantos artistas ao redor do mundo chegaram a essa marca? Quantos sobreviveram às dificuldades e aos delírios da estrada para contarem suas histórias?


O baterista Rolando Castello Junior é um desses poucos agraciados pelo destino. Sua folha de serviços prestados ao rock nacional é invejável. Entre muitos outros trabalhos, sua carreira inclui passagens por dois grandes nomes da nossa música: a Patrulha do Espaço e o Made in Brazil.


A história do rock nacional



Nesta segunda-feira (12), Rolando se apresentou no Teatro Paiol, em Curitiba, ao lado de vários companheiros dessa caminhada. O show “Rolando Castello Junior & Amigos – 50 Anos de Bateria e Rock” foi uma grande celebração que contou com a participação de vários convidados especiais.

O repertório escolhido para o show foi composto por canções que Rolando produziu com as bandas curitibanas Relespública, Beijo AA Força e Ferryboat. O setlist também incluiu uma música da banda A Chave e outras do ex-vocalista do Blindagem, Ivo Rodrigues, que foram gravadas pela Patrulha.

31598405576_ec661e216d_o
O início

A apresentação começou com Rodrigo Nickel (saxofone, Jelly Roll), Rafael Marchiorato (teclados, Sebbo), André Prokofiev (guitarra, O Trilho), Ricardo Coração de Leão (baixo, Pallets) e Birlla Malerba (vocal, O Trilho).

Ao lado de Rolando, eles tocaram “Sexy sua”, faixa do álbum “Arnaldo Baptista & Patrulha Do Espaço – Elo Perdido” (1977). “Foi uma tremenda honra ser convidada para participar de um show histórico como esse! O Rolando está na estrada há muito tempo e, para mim, dividir um ensaio, uma cerveja e o palco com ele me trouxe muita alegria e aprendizado. Além disso, unir músicos para uma celebração assim movimenta muito a cena musical que temos e isso é muito importante! Unir! Música é isso!”, disse Birlla.


30793983964_9e3eba5a29_o

Luciano Pico e Thiago Indisplicente


Na sequência, vieram Luciano Pico (guitarrista do Motorocker), Thiago Indisplicente (ex-vocalista do Indisplicentes e Gregos & Troianos) e Cláudio Souza (baixo, Gregos & Troianos).

Juntos, eles tocaram “Robot” e “Rolando rock”, ambas da Patrulha do Espaço. As duas músicas não poderiam ter combinado melhor com a pegada de Luciano, que é conhecido pela energia que demonstra nos shows do Motorocker. “O Junior me ligou e disse: ‘cara, quero que você faça um som comigo! E não diga não!’. Ele me passou quatro músicas. A ‘Robot’ eu já sabia que estava na veia e a ‘Rolando rock’, também. Elas são a minha vibe, não precisava falar mais nada!”, disse Luciano.

Além da admiração mútua, Luciano também elogia a perseverança que Rolando demonstra ao longo de sua carreira. “Olha a vibração desse lugar, chega a arrepiar. Ele merece, afinal, são 50 anos de Rock.. Nós sabemos o que a gente enfrenta na estrada. Não é para qualquer um, tem que aguentar muita paulada na cabeça! O Rolando é uma referência mundial quando se fala de bateria. Só posso agradecer a Deus por ter participado desse momento!”, complementou.

Thiago Indisplicente também destacou a simpatia e a humildade de Rolando. “Ele já tinha participado do show do Gregos & Troianos, quando nós abrimos para o Mutantes no Guaíra, e também gravou uma música no meu disco. Foi muito massa!”, disse.


31263182260_761dc35208_o
Luiz Ferreira e Alberto Lins


Na sequência, vieram Luiz Ferreira (guitarrista e vocalista do Beijo AA Força, Ferryboat e Maxixe Machine) e Alberto Lins (baixista do Maxixe Machine, Opinião Pública, Gruvox e Ferryboat). O trio tocou “Espermadolário” do Beijo AA Força e “Trem para o Peru”, “Nevoeiro”, “Luau” e “Atirador do campo de centeio” do Ferryboat.

Ao lado de Alberto e de Ferreira, Rolando fez parte da formação original do Ferryboat. Por causa dessa convivência, o respeito entre eles é imenso e vai além da música. “Ele é um catalisador de energias positivas. O Junior conseguiu juntar uma turma que não se junta em momento nenhum. Ele transitou em todas essas tribos que, na verdade, são uma tribo só. Mas como Curitiba é a maior cidade do mundo, essas pessoas acabam não se cruzando. Eu, por exemplo, conheci muita gente aqui. Isso é muito importante”, elogiou Ferreira.

Ele também destaca a postura crítica e incansável de Rolando. “Além de ser um puta músico, ele me inspira como empreendedor. Ele é um cara inquieto que sempre está criando projetos de vida, de como fazer Rock‘n’roll e sobreviver disso. Isso em um país onde a cultura não é prioridade. Fiquei muito feliz por poder contribuir com a minha música na festa de 50 anos de um cara que é meu brother!”, complementou.

31488780062_7e0982458c_o
Fabio Elias e Roni Mueller


Em seguida, Fabio Elias (guitarrista e vocalista da Relespública) e Roni Muller (baixista, A Carne) entraram no palco. O trio tocou “Meus vinte e seis anos”, música do Joelho de Porco gravada pela Patrulha do Espaço.

A ligação da Relespública com Rolando vem desde o início do grupo. Ele produziu o primeiro disco da banda, “E o Rock ‘n’ Roll, Brasil?” (1998). “Eu não tenho nem palavras. Ele é um grande amigo há muito anos. Nós já fizemos algumas músicas juntos. Quem me dera chegar a esse ponto com toda a estrada e o sucesso que ele tem”, disse Fabio Elias.

Fabio também ressalta a conexão que existe entre a música da Reles e a dos trabalhos dos quais Rolando participou durante a sua carreira. “O Rock de São Paulo, do Junior, tem uma ligação muito forte conosco. É uma energia que a gente não consegue controlar. Eu agradeço a Deus e aos deuses do Rock por essa oportunidade. Eu não sei que horas essa noite irá acabar (risos)”, complementou.


31635555385_51099dc813_oMichele Mabelle

Em seguida, a cantora Michele Mabelle (Balanacara, Rock Calcinha), foi chamada ao palco e entrou literalmente caracterizada como um “ser das trevas”. Usando uma capa vermelha e preta simbolizando uma vampira, Michele cantou “Vampiros”, também da Patrulha do Espaço.

No final da música, Michele demonstrou toda a emoção de se apresentar ao lado de um de seus ídolos. “Eu fiquei muito emocionada quando ele me convidou. Essa galera já está há muito anos na estrada, são dinossauros do Rock‘n’roll”, disse.

Na visão de Michele, ao convidar tantos músicos locais, Rolando também deixou claro o seu respeito pelo trabalho de todos os que ali estavam. “Eu estou ralando há pouco tempo, então eles são referências para mim. São 50 anos de Rock. Eu espero um dia também conseguir chegar a isso, passar por tudo o que eles passaram. Estou realizada e muito feliz por ter essa oportunidade de conviver e aprender com eles e, também, pelo incentivo à minha música”, complementou.

30825432923_6aa88eb708_oIvan Santos

Na sequência, o músico, compositor e vocalista Ivan Santos (IMOF) foi chamado para cantar “Berro”, da Patrulha do Espaço, ao lado de Michele. Depois, em um dos momentos de mais interação com o público durante a apresentação, Ivan cantou sozinho a música “Raio de sol”, também do Patrulha.

Acostumado com a cena musical curitibana e com tudo de bom e de ruim que a envolve, Ivan acredita que a reunião de tantos talentos de escolas diferentes para homenagear um músico com tanta história foi um momento único. “Mais do que um show, foi uma celebração de amizade entre pessoas que militam nessa estrada da música e do Rock em torno de alguém que é uma lenda e um exemplo do gênero no Brasil”, disse Ivan.



31488898922_b66831645d_o
Renato Ximú

O próximo convidado foi o músico e produtor musical Renato Ximú (Caixa Prego). Ao lado de Fabio Elias, Roni Muller e Rolando, ele tocou “La chica de 71”.

A música, uma parceria entre Fabio e Rolando, foi gravada no estúdio de Ximú, o Old Black Studios, mas ainda não foi lançada. “Foi sensacional! Eu fiquei surpreso quando ele me mandou uma mensagem falando para fazermos essa música no show”, contou Ximú. “Ele junta a velha guarda, a nova guarda, a guarda municipal e a guarda costeira (risos). Só ele para fazer isso!”, complementou.


31488889262_882ac53a5a_oCarlão Gaertner


O próximo convidado foi o baixista Carlão Gaertner (A Chave, Bartenders). Ao lado de Fabio Elias e de Thiago Indisplicente, ele tocou “Meu ofício é o Rock ‘n’ Roll”, da banda A Chave.

Entre os convidados que participaram do show, Carlão é o que conhece Rolando há mais tempo. “Cinquenta anos tocando Rock não é para qualquer um. Eu e o Junior somos contemporâneos. Ele está completando 50 anos de carreira e eu já completei 55 anos, desde que comecei a tocar com 13 anos de idade lá em Porto Alegre. Em 1976, A Chave fez uma miniturnê com o Made in Brazil por várias cidades do país. Essa é mais uma coisa que temos em comum”, contou.

Carlão enfatiza que são pouquíssimos os artistas em todo o mundo que conseguem chegar a uma marca tão importante quanto essa. “Neste grupo seleto de músicos e bandas que toca há mais de 50 anos podemos citar os Stones, The Who, Paul McCartney e Ringo Starr e mais alguns poucos. Então, analisando todos esse fatos, sintonias e similaridades, posso dizer que foi um privilégio participar desse show e tocar com o Rolando Castello Junior, o Fabio Elias e o Thiago Indisplicente em uma reunião musical inusitada e memorável”, complementou.


A surpresa

Para encerrar a noite, todos os convidados se uniram para tocar “Você vai gostar”, música inédita do ex-vocalista do Blindagem, Ivo Rodrigues.

A letra foi entregue a Fabio Elias pela esposa de Ivo, Suka Rodrigues. Fabio musicou a canção e essa foi a primeira vez que ela foi apresentada ao vivo. “Foi um sonho terminar esse show com uma música inédita do Ivo. Eu a ganhei de presente da Suka e nunca tinha tocado ao vivo. No último momento eu sugeri que a gente tocasse e ele topou. Foi muito maior do que imaginava. Acho que foi o momento mais certo para mostrá-la”, disse Fabio Elias.

Suka estava presente no show e nitidamente se emocionou com a homenagem a Ivo. Em pé, o público também sentiu a música e procurou acompanhar, cantando o refrão e batendo palmas.

Naquele momento, nenhuma alma no Paiol ficou indiferente à lembrança de Ivo Rodrigues que, se já não está por aqui, ainda consegue nos surpreender com o seu talento.

31488884852_c0d54fa0d6_oMissão cumprida


No final da apresentação, todos os convidados se mostraram muito felizes por poderem participar da celebração dos 50 anos de carreira de Rolando Castello Junior.

Após o show, já no camarim, Rolando se mostrava cansado, mas consciente de que viveu mais um dos grandes momentos ao lado de seus amigos. “Foi muito divertido. Eu fiz questão de fazer o show em Curitiba, São Paulo e Buenos Aires. São cidades onde eu tenho uma produção mais significativa”, disse Rolando.

Ao lado de seus parceiros curitibanos, ele apresentou canções que fazem parte da vida de todos os envolvidos. “Não foi nada planejado. Eu tenho vários amigos que poderiam tocar aqui. Nós tivemos pouco tempo de ensaio e para tocar. Eu acabei selecionando pessoas com quem eu tenho parcerias”, disse.

O show foi gravado pela equipe do Estúdio Tenda e deverá ser lançado no ano que vem em um DVD comemorativo.

Confira “Você vai gostar”, música inédita do ex-vocalista do Blindagem, Ivo Rodrigues.


https://www.youtube.com/watch?v=RGDZ0RYNsK4


Créditos: cwblive.com

 

LAST_UPDATED2
 
2016 - Teatro Paiol - Curitiba PDF Imprimir E-mail
Escrito por Ray Castello   
Dom, 11 de Dezembro de 2016 15:22

http://www.gazetadopovo.com.br/caderno-g/membro-fundador-da-patrulha-do-espaco-comemora-50-anos-de-bateria-e-rock-0rgxbh6lolj3q2qyqhdrxsqsw
LAST_UPDATED2
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 Próximo > Fim >>

Página 1 de 5