Rolando News

Discografia


1998 - Tributo a Keith Moon PDF Imprimir E-mail
Tributo a Keith Moon
Um dos Tributos a Keith Moon no CCSP, da esq. p/ dir Ricardo Dezzoti, Paulo Zinner, os teclados de Daniel Latorre, Rolando Castello Jr, Vagner Siqueira e Carla Viana.
(arquivo: Tributo CCSP)
O tributo a Keith Moon surgiu de uma idéia do Paulo Zinner, que havia sido convidado a fazer um workshop em Santo André, São Paulo, e achou que seria mais legal fazer um som em cima do trabalho do Keith Moon e, como ele sabia que sou fã do Keith, achou que ficaria legal fazermos com duas bateras.
E assim nasceu esse trabalho, primeiro como uma singela homenagem ao grande baterista Keith Moon e, em segundo lugar, como um enorme prazer para nós bateras, podermos tocar essas canções maravilhosas e do Who com nossa performance dedicada ao Keith.
Não é um trabalho cover de tirar as baterias como no disco, é claro que algumas convenções ou levadas marcantes do Keith, procuramos nos manter fiéis. A banda sim procura executar as canções mais próximas possível ao original. Quanto a nós bateras, soltamos a mão e procuramos tocar tão livremente e inusitadamente como o estilo peculiar de Moon.
Filipeta
(arquivo: Filipeta KM)
Todos os shows que fizemos com esse tributo foram um enorme sucesso e prazer para todos os envolvidos.
Destaco o show no dia do rock em Sto André que iríamos fazer no teatro municipal, mas devido a enorme procura, acabamos fazendo no enorme hall do teatro onde uma galera gigante encheu o lugar de tal maneira que a platéia da frente estava grudada do palco.
Foi uma super comunhão entre nós, a galera e, com certeza, com o Moon.
Também foi muito especial o tributo que fizemos dentro do evento Bateras em Fúria, onde fizemos o tributo com quatro bateristas, todos amigos e meus ídolos: o Franklin Paolillo, Marinho Tomaz, o Zinner e este que vos escreve. O CCSP lotou de uma maneira que também ficamos circundados pelo público e foi uma pancadaria só, havia momentos em que eu simplesmente não acreditava na geração de decibéis das quatro bateras e banda.
Foi um daqueles momentos mágicos, que apesar de uma longa carreira, acontecem apenas de quando em quando e, por si só, já justificam toda a dedicação e tempo investidos na carreira e na bateria, assim como os sacrifícios e renúncias constantes que somos obrigados a fazer quando entramos de corpo e alma nessa profissão e na arte de ser rockeiro.
Foto: Ana Fuccia
(arquivo: Tributo bateristas)
Filipeta
Acervo.
(arquivo: Filipeta Tributo)
Matéria sobre o Tributo com quatro bateras, novamente no CCSP, escrita por Bento Araújo para o Poeira Zine.
Acervo.
(arquivo: Critica Poeira)
Nota do Jornal da Tarde sobre o Tributo no CCSP.
Acervo.
(arquivo: Matéria Tributo CCSP)
Datas Tributo a Keith Moon
13 / 07 / 05 – Teatro Municipal / Santo André - SP
13 / 02 / 05 - Centro Cultural São Paulo / São Paulo – SP
14 / 05 / 05 - Drumland / São Carlos - SP
05 / 10 / 03 – Bateras em Fúria – CCSP / São Paulo - SP
26 / 01 / 01 - Centro Cultural São Paulo / São Paulo - SP
30 / 07 / 99 - Centro Cultural São Paulo / São Paulo - SP
05 / 03 / 99 – Fofinho Rock Club / São Paulo - SP
15 / 08 / 98 – Camerati / Santo André – SP
14 / 08 / 98 – Camerati / Santo André - SP

 

tributo_ccsp
Ricardo Dezzoti, Paulo Zinner, os teclados de Daniel Latorre, Rolando Castello Jr, Vagner Siqueira e Carla Viana. Um dos Tributos a Keith Moon no CCSP. Foto: Arquivo

 

1998

Tributo a Keith Moon

O tributo a Keith Moon surgiu de uma idéia do Paulo Zinner, que havia sido convidado a fazer um workshop em Santo André, São Paulo, e achou que seria mais legal fazer um som em cima do trabalho do Keith Moon e, como ele sabia que sou fã do Keith, achou que ficaria legal fazermos com duas bateras.

E assim nasceu esse trabalho, primeiro como uma singela homenagem ao grande baterista Keith Moon e, em segundo lugar, como um enorme prazer para nós bateras, podermos tocar essas canções maravilhosas da banda The Who, com nossa performance dedicada ao Keith.

Não foi um trabalho cover onde tocamos as baterias exatamente como no disco, mas, é claro que procuramos nos manter fiéis a algumas convenções ou levadas marcantes do Keith. A banda sim, procurou executar as canções mais próximas o possível do original. Quanto a nós bateras, soltamos a mão e procuramos tocar tão livremente e inusitadamente como o estilo peculiar de Moon.

 

tributo_filipeta_km
Filipeta

 

Todos os shows que fizemos com esse tributo foram um enorme sucesso e prazer para todos os envolvidos.

Destaco o show no dia do rock em Sto André que iríamos fazer no teatro municipal, mas devido a enorme procura, acabamos fazendo no enorme hall do teatro onde uma galera gigante encheu o lugar de tal maneira que a platéia da frente estava grudada do palco.

Foi uma super comunhão entre nós, a galera e, com certeza, com o Moon.

Também foi muito especial o tributo que fizemos dentro do evento Bateras em Fúria, onde fizemos o tributo com quatro bateristas, todos amigos e meus ídolos: o Franklin Paolillo, Marinho Tomaz, o Zinner e este que vos escreve. O CCSP lotou de uma maneira que também ficamos circundados pelo público e foi uma pancadaria só, havia momentos em que eu simplesmente não acreditava na geração de decibéis das quatro bateras e banda.

Foi um daqueles momentos mágicos, que apesar de uma longa carreira, acontecem apenas de quando em quando e, por si só, já justificam toda a dedicação e tempo investidos na carreira e na bateria, assim como os sacrifícios e renúncias constantes que somos obrigados a fazer quando entramos de corpo e alma nessa profissão e na arte de ser rockeiro.

tributo_bateristas
Foto promocional dos bateras: Franklin Paolillo, Rolando Castello Junior, Paulo Zinner e Marinho Thomaz, que ensurdeceram a galera no Tributo de 2003 no CCSP. Foto: Ana Fuccia.

 

tributo_filipeta
Filipeta

 

tributo_critica_poeira
Matéria sobre o Tributo com quatro bateras, novamente no CCSP,
escrita por Bento Araújo para o Poeira Zine.

 

 

tributo_ccsp_materia
Nota do Jornal da Tarde sobre o Tributo no CCSP.

 

Tributo a Keith Moon (Datas):

13/07/05: Teatro Municipal (Santo André, SP)
13/02/05: Centro Cultural São Paulo (São Paulo, SP)
14/05/05: Drumland (São Carlos, SP)
05/10/03: Bateras em Fúria – CCSP (São Paulo, SP)
26/01/01: Centro Cultural São Paulo (São Paulo, SP)
30/07/99: Centro Cultural São Paulo (São Paulo, SP)
05/03/99: Fofinho Rock Club (São Paulo, SP)
15/08/98: Camerati (Santo André, SP)
14/08/98: Camerati (Santo André, SP)